Comunicação ›› Informações rodoviárias

  • 13/07/2021

Novas regras para entrada na Roménia

(atualizado às 16h20 do dia 1/10/2021)

Atualmente a Roménia classifica os países segundo 3 áreas de risco:
  • Áreas verdes: países onde a taxa de incidência cumulativa de novos casos de COVID-19 nos últimos 14 dias é menor ou igual a 1,5 por 1000 habitantes;
  • Áreas amarelas: países onde a taxa de incidência cumulativa de novos casos de COVID-19 nos últimos 14 dias está entre 1,5 e 3 por 1000 habitantes;
  • Áreas vermelhas: países onde a taxa de incidência cumulativa de novos casos de COVID-19 nos últimos 14 dias é maior ou igual a 3 por 1000 habitantes.

Consulte aqui a lista com a classificação dos países / territórios de acordo com a taxa de incidência cumulativa do novo COVID-19 (em romeno). 

NOTA:
- A título de exemplo, Eslovénia, Estónia, Letónia, Croácia, Irlanda e Bulgária
, encontram-se classificados na lista "vermelha" para a classificação de risco de contaminação por covid-19.

- A título de exemplo, a Grécia, Áustria, Luxemburgo, encontram-se classificados na lista "amarela" para a classificação de risco de contaminação por covid-19.

- A título de exemplo, a Alemanha, Andorra, França, Portugal e Suécia, encontram-se classificados na lista "verde" para a classificação de risco de contaminação por covid-19.

Condicionamentos à entrada:

1.      Pessoas que chegam à Roménia de áreas verdes não estão sujeitas a medidas de quarentena.
 
2.      Pessoas que chegam à Roménia de áreas amarelas - incluindo motoristas de veículos de mercadorias e motoristas de transporte de passageiros - estão sujeitas a uma quarentena de 14 dias. A quarentena deve ocorrer na residência da pessoa, em local declarado ou, conforme o caso, em local específico designado pelas autoridades.

Exceções da medida de quarentena:
 - Pessoas que possam comprovar a existência de um esquema completo de vacinação contra COVID-19, completado pelo menos dez dias antes da chegada à Roménia. A comprovação da vacinação é feita pelo Certificado Digital COVID da UE.
- Pessoas que possuem um teste RT-PCR negativo (completado no máximo 72 horas antes do embarque ou chegada na fronteira, se viajar de forma independente)
- Pessoas que foram confirmadas como positivas para infeção pelo vírus SARS-CoV-2 nos últimos 180 dias antes da entrada na Romênia, para as quais se passaram pelo menos 14 dias desde a data de confirmação até a data de entrada na Romênia
- Pessoas em trânsito, se deixarem a Romênia dentro de 24 horas a partir do momento em que entraram no território do país
- Trabalhadores transfronteiriços que entram na Romênia vindos da Hungria, Bulgária, Sérvia, Ucrânia ou República da Moldávia
-
Os motoristas de veículos de mercadorias, bem como os que prestam transporte de passageiros também estão isentos de quarentena se apresentarem resultado negativo de um teste RT-PCR para SARS-CoV-2 realizado no máximo 72 horas antes de entrar no país, quando em viagem profissional (é necessário que o resultado do teste deve ser apresentado através do certificado digital de covid-19 ou através de um outro certificado, em inglês, que ateste o resultado negativo à covid-19).


3.      Pessoas que chegam à Roménia de áreas vermelhas - incluindo motoristas de veículos de mercadorias e motoristas de transporte de passageiros - estão sujeitas a uma quarentena de 14 dias. A quarentena deve ocorrer na residência da pessoa, em local declarado ou, conforme o caso, em local específico designado pelas autoridades.

Exceções da medida de quarentena:
 - Pessoas que possam comprovar a existência de um esquema completo de vacinação contra COVID-19, completado pelo menos dez dias antes da chegada à Roménia. A comprovação da vacinação é feita pelo Certificado Digital COVID da UE.
- Pessoas com confirmação positiva para infeção pelo vírus SARS-CoV-2 nos últimos 180 dias antes da entrada na Romênia, para as quais se tenham passado pelo menos 14 dias desde a data de confirmação até a data de entrada na Roménia. A prova de infeção pelo vírus SARS-CoV-2 é feita pelo Certificado Digital COVID da UE.
- Pessoas que permaneçam na Roménia menos de 3 dias (72 horas) e tenham um teste RT-PCR negativo para a infeção pelo vírus SARS-CoV-2, completado no máximo 72 horas antes de embarcar ou chegar à fronteira se viajarem independentemente. Se as pessoas não deixarem a Romênia dentro de 3 dias (72 horas), elas serão colocadas em quarentena por um período de 14 dias, começando no quarto dia após a entrada no território romeno. A prova de teste negativo para COVID-19 é feita pelo Certificado Digital COVID da UE.
- Trabalhadores transfronteiriços que entram na Romênia vindos da Hungria, Bulgária, Sérvia, Ucrânia ou República da Moldávia
- Pessoas em trânsito, se deixarem a Romênia dentro de 24 horas a partir do momento em que entraram no território do país.
- Os motoristas de veículos de mercadorias, bem como os que prestam transporte de passageiros também estão isentos de quarentena se apresentarem resultado negativo de um teste RT-PCR para SARS-CoV-2 realizado no máximo 72 horas antes de entrar no país, quando em viagem profissional (é necessário que o resultado do teste deve ser apresentado através do certificado digital de covid-19 ou através de um outro certificado, em inglês, que ateste o resultado negativo à covid-19).


4.      Para pessoas que chegam na Romênia (incluindo motoristas de veículos de mercadorias e motoristas de transporte de passageiros) da Grã-Bretanha, Brasil, Nepal, África do Sul e Índia, apenas as seguintes exceções da medida de quarentena se aplicam:
- Pessoas que possam comprovar a existência de um esquema completo de vacinação contra COVID-19, completado pelo menos dez dias antes da chegada à Roménia. A comprovação da vacinação é feita pelo Certificado Digital COVID da UE.
- Pessoas com confirmação positiva para infeção pelo vírus SARS-CoV-2 nos últimos 180 dias antes da entrada na Romênia, para as quais se tenham passado pelo menos 14 dias desde a data de confirmação até a data de entrada na Romênia. A prova de infeção pelo vírus SARS-CoV-2 é feita pelo Certificado Digital COVID da UE.
- Pessoas que permaneçam na Roménia menos de 3 dias (72 horas) e tenham um teste RT-PCR negativo para a infeção pelo vírus SARS-CoV-2, completado no máximo 72 horas antes de embarcar ou chegar à fronteira se viajarem independentemente. Se as pessoas não deixarem a Romênia dentro de 3 dias (72 horas), elas serão colocadas em quarentena por um período de 14 dias, começando no quarto dia após a entrada no território romeno. A prova de teste negativo para COVID-19 é feita pelo Certificado Digital COVID da UE.
- Trabalhadores transfronteiriços que entram na Romênia vindos da Hungria, Bulgária, Sérvia, Ucrânia ou República da Moldávia- Pessoas em trânsito, se deixarem a Romênia dentro de 24 horas a partir do momento em que entraram no território do país.
- Os motoristas de veículos de mercadorias, bem como os que prestam transporte de passageiros também estão isentos de quarentena se apresentarem resultado negativo de um teste RT-PCR para SARS-CoV-2 realizado no máximo 72 horas antes de entrar no país, quando em viagem profissional (é necessário que o resultado do teste deve ser apresentado através do certificado digital de covid-19 ou através de um outro certificado, em inglês, que ateste o resultado negativo à covid-19).
 
 
NOTA: Os motoristas profissionais NÃO estão isentos dos novos regulamentos.
 
 
Fonte: UNTRR


« voltar